União Europeia apoia novas eleições na Bolívia

Federica Mogherini, Alta Representante da União Europeia, refere em declaração que a União Europeia apoia uma solução institucional que permita que uma presidência interina prepare novas eleições e evite um vazio de poder.

0
União Europeia apoia novas eleições na Bolívia
União Europeia apoia novas eleições na Bolívia. Federica Mogherini. Foto: © União Europeia

Federica Mogherini, Alta Representante da União Europeia para Política Externa e Segurança e Vice-Presidente da Comissão Europeia, emitiu uma declaração onde refere que os “acontecimentos recentes na Bolívia, onde irregularidades nas eleições, como foi demonstrado pela auditoria da Organização dos Estados Americanos, levaram a protestos populares, a pedidos de vários setores da sociedade, como sindicatos, forças armadas, polícia e os principais atores políticos para o presidente Morales deixar o poder”.

O presidente Evo Morales já deixou o poder e por isso “é de vital importância retornar à normalidade constitucional para que o estado de direito, os princípios democráticos e os direitos civis sejam respeitados”.

“A União Europeia apoia uma solução institucional que permita que uma presidência interina prepare novas eleições e evite um vazio de poder, que pode ter consequências terríveis para todo o país. O objetivo imediato das autoridades de transição deve ser garantir a paz e a segurança no país e levá-lo a eleições rápidas, onde a vontade do povo possa ser livremente expressa”.

Federica Mogherini pede a “todos os atores políticos e sociais para apoiarem esse caminho institucional e trabalharem para uma reconciliação pacífica. A violência e a retribuição política são inaceitáveis ​​e apenas vão agravar a divisão social”, e acrescenta: “Apelamos aos órgãos policiais para garantir a segurança do povo boliviano, respeitando sempre os direitos humanos. A estabilidade futura da Bolívia depende da manutenção dos valores democráticos e do estado de direito, mantendo o país unido e inclusivo”.

A Alta Representante lembra que “a União Europeia tem sido um importante parceiro de cooperação da Bolívia e continuará a apoiar o fortalecimento de suas instituições democráticas e o seu desenvolvimento económico e social”.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!