Ursula von der Leyen aceita comissários indigitados pelos Estados-Membros

Comissários indicados pelos Estados-Membros receberam a concordância da presidente da Comissão eleita, Ursula von der Leyen, e Josep Borrell foi indigitado como alto representante da União para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança.

0
Ursula von der Leyen aceita comissários indigitados pelos Estados-Membros
Ursula von der Leyen aceita comissários indigitados pelos Estados-Membros. Foto: © União Europeia/Etienne Ansotte

Ursula von der Leyen, Presidente da Comissão Europeia eleita, deu hoje a sua concordância à lista de comissários indigitados que lhe foi transmitida pelo Conselho da União Europeia. Esta concordância vem na sequência de uma série de encontros que manteve, nas últimas semanas, com os candidatos a comissários indicados pelos Estados-Membros.

O Conselho da União Europeia deve agora aprovar a lista, para que a mesma seja publicada no Jornal Oficial da União Europeia (UE). A presidente vai anunciar amanhã, 10 de setembro, a repartição das diferentes pastas e a forma como pretende organizar o trabalho da próxima Comissão Europeia.

O Parlamento Europeu vai proceder a audições dos comissários, incluindo o presidente e o alto representante da União para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança/vice-presidente da Comissão Europeia para os poder aprovar.

Lista de comissários indigitados para a próxima Comissão:

■ Áustria: Johannes Hahn

■ Bélgica: Didier Reynders

■ Bulgária: Mariya Gabriel

■ Croácia: Dubravka Šuica

■ Chipre: Stella Kyriakides

■ República Checa: Vĕra Jourová

■ Dinamarca: Margrethe Vestager

■ Estónia: Kadri Simson

■ Finlândia: Jutta Urpilainen

■ França: Sylvie Goulard

■ Grécia: Margaritis Schinas

■ Hungria: László Trócsányi

■ Irlanda: Phil Hogan

■ Itália: Paolo Gentiloni

■ Letónia: Valdis Dombrovskis

■ Lituânia: Virginijus Sinkevičius

■ Luxemburgo: Nicolas Schmit

■ Malta: Helena Dalli

■ Países Baixos: Frans Timmermans

■ Polónia: Janusz Wojciechowski

■ Portugal: Elisa Ferreira

■ Roménia: Rovana Plumb

■ Eslováquia: Maroš Šefčovič

■ Eslovénia: Janez Lenarčič

■ Suécia: Ylva Johansson

A presidente eleita Ursula von der Leyen indicou que o Conselho Europeu indigitou Josep Borrell (Espanha) como alto representante da União para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!