Aberto concurso de Jovens tradutores nas escolas da União Europeia

Comissão Europeia abre hoje inscrições para concurso anual de tradução de 2020. Juvenes Translatores é destinado a estudantes do ensino secundário, e este ano com um texto com o tema “Enfrentar tempos difíceis — juntos somos mais fortes”.

0
Aberto concurso de Jovens tradutores nas escolas da União Europeia
Aberto concurso de Jovens tradutores nas escolas da União Europeia. Foto: UE

A Comissão Europeia lança concurso anual de tradução para estudantes do ensino secundário de toda a Europa, Juvenes Translatores. A partir de 2 de setembro, as escolas de todos os países da União Europeia (UE) poderão fazer a inscrição online, para que os seus alunos possam competir com colegas de outros países. Este ano, os adolescentes participantes terão de traduzir um texto sobre o tema “Enfrentar tempos difíceis — juntos somos mais fortes”.

Johannes Hahn, comissário do Orçamento e Administração, afirmou: “Os jovens na Europa conhecem a importância das línguas na sociedade atual e sabem que elas não servem apenas para ajudar a compreender melhor as culturas e as perspetivas dos outros, podendo também ajudá-los a encontrar emprego”.

O Comissário concluiu: “Gostaria de incentivar as escolas e os alunos a participar no concurso Juvenes Translatores deste ano e a descobrir a tradução.”

Os participantes poderão traduzir entre quaisquer duas das 24 línguas oficiais da UE (552 combinações linguísticas possíveis). No concurso do ano passado, os estudantes utilizaram no total 150 combinações diferentes.

O prazo para a inscrição das escolas, da primeira fase, decorre até 20 de outubro de 2019, às 12h00. Os professores podem preencher o formulário de inscrição em qualquer uma das 24 línguas oficiais da UE.

Posteriormente, a Comissão convidará um total de 705 escolas para a fase seguinte. O número de escolas participantes de cada país será igual ao número de deputados que o país tiver no Parlamento Europeu e a seleção será feita aleatoriamente por computador.

As escolas selecionadas devem convidar dois a cinco alunos para participar. Os alunos podem ser de qualquer nacionalidade, mas deverão ter nascido em 2003.

O concurso decorrerá online em 26 de novembro de 2020 em todas as escolas participantes, e os vencedores, um por país, serão anunciados no início de fevereiro de 2021.

Se as condições epidemiológicas o permitirem, receberão os prémios na primavera de 2021, numa cerimónia em Bruxelas, onde terão também a oportunidade de conhecer tradutores profissionais da Comissão e de se informarem melhor sobre o trabalho com as línguas.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!