Air Premia anuncia compromisso para cinco aviões Boeing 787 Dreamliner

Operadora aérea coreana Air Premia anuncia compromisso de adquirir cinco aviões Boeing 787-9 Dreamliner. A opção da Air Premia deve-se à relação eficiente de consumo combustível e ao longo alcance das aeronaves.

0
Air Premia anuncia compromisso para cinco aviões Boeing 787 Dreamliner. Foto: Boeing

A Boeing e a Air Premia anunciaram hoje que a companhia aérea coreana planeia comprar cinco aviões 787-9 Dreamliner, após um contrato de lease de três aviões 787-9 da Air Lease Corporation no ano anterior. A Air Premia, que planeia iniciar operações em 2020, está prestes a tornar-se o segundo operador de aviões Dreamliner da Coreia do Sul.

O compromisso está avaliado em 1,4 mil milhões de dólares a preços de tabela. “Uma decisão emocionante para a Air Premia, pois procuramos oferecer uma experiência de nível mundial aos nossos clientes, enquanto também operamos a frota com maior eficiência de consumo de combustível”, referiu Peter Sim, CEO da Air Premia.

O responsável da operadora coreana acrescentou: “Com os recursos superiores de eficiência e alcance de combustível do 787-9, este investimento encaixa-se perfeitamente no nosso modelo de negócios exclusivo e posicionará a Air Premia para um crescimento sustentável a longo prazo”.

O 787-9 é um avião widebody supereficiente que pode transportar 296 passageiros numa configuração padrão com um alcance definido de 7.550 milhas náuticas, ou seja, 13.950 km. O modelo Dreamliner, desenvolvido com um design revolucionário e motores avançados, permite que as companhias aéreas reduzam o uso e as emissões de combustível em 20 a 25% em comparação com os aviões anteriores. A combinação de eficiência incomparável de combustível e recursos de longo alcance do 787-9 ajudou as companhias aéreas a economizar mais de 40 mil milhões de libras de combustível e a abrir mais de 235 rotas sem escalas.

“Temos a honra de receber o Air Premia como o mais novo cliente da Boeing. À medida que novos clientes na Ásia continuam a lançar modelos de negócios e estratégias inovadores de crescimento, estamos entusiasmados com o facto de a Air Premia ter escolhido o 787-9 Dreamliner para impulsionar sua frota futura”, referiu Ihssane Mounir, vice-presidente sénior de Vendas e Marketing Comercial, da Companhia Boeing.

Ihssane Mounir acrescentou: “O super eficiente 787-9 é o ajuste perfeito para esta nova companhia aérea híbrida. A economia e as capacidades líderes de mercado do Dreamliner permitirão à Air Premia oferecer o melhor serviço da categoria aos seus clientes a preços competitivos”.

Com sua base no Aeroporto Internacional de Seul Incheon, a Air Premia anunciou o seu plano de lançar operações em setembro de 2020. A transportadora operará inicialmente regionalmente na Ásia antes de expandir sua rede para Los Angeles e San Jose até 2021.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!