Ana Sofia Carvalho nomeada membro do Grupo Europeu de Ética

Ana Sofia Carvalho, Professora de Bioética e Diretora do Instituto de Bioética da Universidade Católica e membro da Cátedra UNESCO em Bioética, foi nomeada membro Grupo Europeu de Ética (GEE) para as Ciências e as Novas Tecnologias.

0
1
Partilhas
Ana Sofia Carvalho
Ana Sofia Carvalho. Foto: DR

A Comissão Europeia (CE) relançou oficialmente hoje, dia 30 de março, o Grupo Europeu de Ética para as Ciências e as Novas Tecnologias (GEE) nomeando 15 membros. Ana Sofia Carvalho, Professora de Bioética e Diretora do Instituto de Bioética da Universidade Católica Portuguesa e membro da Cátedra UNESCO em Bioética (2014-2017) é um dos membros nomeados pelo Jean-Claude Juncker, Presidente da Comissão Europeia.

As nomeações dos membros do GEE seguem-se a uma análise de mais de 200 candidaturas, que responderam ao convite público a uma manifestação de interesse. A CE indica que “o processo de seleção foi conduzido com o apoio de uma comissão externa de identificação, encarregada de garantir um elevado nível de experiência e um bom equilíbrio em termos de competências, experiência, conhecimentos e diversidade geográfica, de género e etária.”

A preocupação da seleção dos membros, esteve ligada à decisão da criação do GEE tomada pelo Presidente da Comissão, Jean-Claude Juncker, e pelo Comissário Carlos Moedas, responsável pela Ciência, Investigação e Inovação, dado que “estas questões requerem um grupo dedicado de especialistas para ajudar a melhorar a formulação de políticas nos domínios da Ética para as Ciências e as Novas Tecnologias”. Para o Presidente Juncker “o GEE desempenha um papel integral na promoção da União enquanto comunidade de valores”.

Para Carlos Moedas “a inovação está a produzir mudanças rápidas e é nossa responsabilidade garantir que essa evolução é utilizada para o bem da Humanidade. O bem-estar das gerações futuras é determinado pelas considerações éticas que aplicamos hoje às nossas políticas.”

“Os excecionais 15 homens e mulheres nomeados hoje darão um apoio importante a uma Comissão que procura dar resposta às grandes questões societais em benefício de todos os cidadãos”, referiu ainda Carlos Moedas.

O GEE tem como principal missão aconselhar “a Comissão Europeia em todos os domínios políticos onde as questões éticas, societais e de direitos fundamentais se cruzam com o desenvolvimento da ciência e das novas tecnologias.”

O GEE reúne peritos nos domínios das ciências naturais e sociais, humanidades, filosofia, ética e direito. Entre os membros encontram-se vários antigos membros de conselhos de ética, nacionais e internacionais, que possuem uma grande experiência no aconselhamento de governos sobre as implicações societais e em termos de direitos humanos da evolução atual e futura da inovação.

De acordo com CE o GEE irá reunir pela primeira vez em 24 e 25 de abril de 2017, altura em que se encontrará com o Comissário Carlos Moedas e refletirá nos tópicos mais pertinentes para os seus primeiros pareceres. O Grupo reporta diretamente ao Presidente da Comissão, Jean-Claude Juncker, e ao Colégio de Comissários na sua globalidade e atuará sob a responsabilidade direta do Comissário Carlos Moedas.

Ana Sofia Carvalho é licenciada em Microbiologia e doutorada em Biotecnologia pela Universidade Católica Portuguesa. Possui ainda Mestrado em Bioética e Ética Médica pela Universidade do Porto. Foi assessora da Presidente do Conselho Nacional de Ética das Ciências da Vida e atualmente é Directora do Instituto de Bioética da Universidade Católica Portuguesa, desde 2005, e Coordenadora do Unidade de Investigação do Instituto de Bioética, Gabinete de Investigação em Bioética, desde 2007.

De entre diversos trabalhos e especialidades Ana Sofia Carvalho é Professora Auxiliar convidada da Universidade Católica Portuguesa, onde rege as disciplinas de Bioética em diversas licenciaturas, Coordenadora do Doutoramento em Bioética, é autora e coautora de diversos artigos científicos na área da bioética.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz