António Domingues demite-se de Presidente da CGD

Presidente do Conselho de Administração da Caixa Geral de Depósitos, António Domingues, renunciou ao cargo. A renúncia produz efeitos no final do mês de dezembro de 2016.

0
1
Partilhas
António Domingues demite-se de Presidente da CGD
António Domingues demite-se de Presidente da CGD. Foto: Rosa Silva

O Ministério das Finanças indicou em comunicado que “o Governo foi informado pelo Presidente do Conselho Fiscal da Caixa Geral de Depósitos (CGD) da renúncia apresentada pelo Presidente do Conselho de Administração (CA), António Domingues”.

Comunicado do Ministério das Finanças indica que “o Governo lamenta” a renúncia, e acrescenta que a mesma “só produzirá efeitos no final do mês de dezembro”.

O comunicado refere que “muito brevemente será designada para apreciação, por parte do Single Supervisory Mechanism, uma personalidade para o exercício de funções como Presidente do CA da CGD, que dê continuidade aos planos de negócios e de recapitalização já aprovados”.

Desde a nomeação para o cargo, António Domingues tem estado sob os holofotes. Em causa, entre outras, estava a recusa na apresentação da declaração de rendimentos. Agora, depois da aprovação no Parlamento de uma alteração da legislação que obriga os Administradores do banco público a apresentarem as declarações de rendimentos, parece que não haveria mais de duas opções a considerar: a entrega da declaração ou a demissão. Ao que parece a opção escolhida foi a demissão.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz