Dieta com cogumelos diminuiu risco de cancro

Há evidências científicas importantes dos efeitos protetores dos cogumelos contra o cancro, indicam estudos de investigação. Os cogumelos são ricos em vitaminas, nutrientes e antioxidantes. Dieta rica em cogumelos pode diminuir risco de cancro.

0
Dieta com cogumelos diminuiu risco de cancro
Dieta com cogumelos diminuiu risco de cancro, Foto: © Rosa Pinto

Um maior consumo de cogumelos está associado a um menor risco de cancro. A conclusão é de um novo estudo de investigação da Penn State College of Medicine, Pensilvânia, EUA, e já publicado na Advances in Nutrition.

O estudo envolveu a revisão sistemática e meta-análise de 17 estudos de cancro publicados de 1966 a 2020. Nesta análise foram avaliados dados de mais de 19.500 pacientes com cancro, e os investigadores exploraram a relação entre o consumo de cogumelos e o risco de cancro.

Os cogumelos são ricos em vitaminas, nutrientes e antioxidantes. As descobertas da equipa de investigadores mostram que esses superalimentos também podem ajudar na proteção contra o cancro. Embora os cogumelos shitake, ostra, maitake e king ostra tenham maiores quantidades do aminoácido ergothioneine do que os cogumelos white button, cremini e portabello, os investigadores descobriram que as pessoas que incorporaram qualquer variedade de cogumelos nas suas dietas diárias tinham um risco menor de cancro.

A investigação mostra que as pessoas que comeram 18 gramas de cogumelos por dia tiveram um risco 45% menor de cancro em comparação com as pessoas que não comeram cogumelos.

“Os cogumelos são a maior fonte alimentar de ergotioneína, que é um potente antioxidante e protetor celular único”, disse Djibril M. Ba, investigador de pós-graduação em epidemiologia na Penn State College of Medicine. “A reposição de antioxidantes no corpo pode ajudar a proteger contra o stress oxidativo e reduzir o risco de cancro.”

Quando foram examinados casos de cancros específicos, os investigadores observaram associações mais fortes para o cancro de mama, já que os indivíduos que comiam cogumelos regularmente tinham um risco significativamente menor de cancro de mama.

No entanto Djibril M. Ba esclareceu essa relação pode ser explicada por a maioria dos estudos não ter incluído outras formas de cancro. No futuro, esta investigação pode ser útil para explorar ainda mais os efeitos protetores dos cogumelos e ajudar a estabelecer dietas mais saudáveis ​​que previnam o cancro.

“No geral, essas descobertas fornecem evidências importantes dos efeitos protetores dos cogumelos contra o cancro”, disse John Richie, outro dos investigadores do Penn State Cancer Institute e professor de ciências da saúde pública e farmacologia. “São necessários estudos futuros para identificar melhor os mecanismos envolvidos e os cancros específicos que podem ser afetados”.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!