ESA lança satélite para estudo de exoplanetas

Satélite Cheops é lançado a partir de Kourou, Guiana Francesa, para estudo de planetas extrassolares ou exoplanetas. A parceria entre a ESA e a Suíça vai observar as estrelas que hospedam planetas na faixa de tamanho da Terra a Neptuno.

0
ESA lança satélite para estudo de exoplanetas
ESA lança satélite para estudo de exoplanetas. Foto: © ESA

Após a substituição de alguns equipamentos defeituosos que causaram uma anomalia na sequência de lançamento automatizado em 17 de dezembro, o lançamento do Cheops decorre a 18 de dezembro transportado por um foguetão Soyuz-Fregat a partir do porto espacial europeu, em Kourou, na Guiana Francesa.

O Cheops, ‘Characterising Exoplanet Satellite’, é a primeira missão da ESA dedicada ao estudo de planetas extrassolares, ou exoplanetas, numa parceria entre a ESA e a Suíça.

O satélite vai observar estrelas brilhantes que já são conhecidas por hospedar planetas, medindo mudanças minúsculas de brilho devido ao trânsito do planeta através do disco da estrela.

As estrelas que hospedam planetas na faixa de tamanho da Terra a Neptuno são o alvo do satélite, e a partir da observação produzir medições precisas dos tamanhos de planeta. Que com informações independentes sobre as massas do planeta, vai permitir aos cientistas determinar a sua densidade.

A densidade de um planeta fornece pistas vitais sobre sua composição e estrutura, indicando, por exemplo, se é predominantemente rochoso ou gasosa, ou se abriga oceanos significativos.

No mesmo foguetão segue o primeiro satélite da constelação Cosmo-SkyMed Second Generation da agência espacial italiana ASI. O foguetão carrega ainda três ‘CubeSats’, pequenos satélites baseados em unidades cúbicas padronizadas de 10 cm, incluindo o OPS-SAT da ESA – o primeiro de uso livre para testar em órbita do mundo novo software, aplicativos e técnicas em controlo de satélite.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!