Idosos não conhecem os sintomas de estenose aórtica

Estudo indica que, em Portugal, cerca de 82% das pessoas com mais de 70 anos desconhece a doença de estenose aórtica. Devido à importância dos médicos de medicina geral e familiar no esclarecimento, a campanha “Corações de Amanhã” vai estar no congresso médico em Albufeira.

0
Idosos não conhecem os sintomas de estenose aórtica
Idosos não conhecem os sintomas de estenose aórtica.

A campanha “Corações de Amanhã” vai estar presente no Update em Medicina, um congresso anual que se realiza de 19 a 22 de abril no Palácio de Congressos do Algarve, em Albufeira. O objetivo é consciencializar os cerca de 2 mil médicos, de medicina geral e familiar, presentes para a estenose aórtica, a principal doença valvular.

Lino Patrício, Presidente da campanha “Corações de Amanhã”, esclareceu: “O primeiro estudo português sobre esta doença indicou-nos que cerca de 82% das pessoas com mais de 70 anos nunca tinha ouvido falar de estenose aórtica, nem de como esta se manifesta”.

O responsável pela Campanha acrescentou: “Torna-se imprescindível ter a nossa campanha neste congresso, por forma a incentivar o debate sobre a doença junto da comunidade científica, contribuindo para o reforço do reconhecimento dos seus sintomas e importância do diagnóstico precoce.”

A estenose aórtica é uma doença que afeta mais de 32 mil portugueses, maioritariamente pessoas acima dos 70 anos. Os sintomas da doença: cansaço, dor no peito e desmaios, são muitas vezes desvalorizados pelas famílias portuguesas e o diagnóstico acaba por ser adiado, o que pode ser fatal. A deteção precoce da estenose aórtica reduz as admissões hospitalares e representa tempo e ganho em qualidade de vida.

A campanha “Corações de Amanhã” é uma iniciativa da Associação Portuguesa de Intervenção Cardiovascular pretende de uma forma geral aumentar o conhecimento e compreensão sobre estenose aórtica, promovendo o seu diagnóstico e tratamento precoce. Uma campanha que tem Patrocínio da Presidência da República.

A Associação Portuguesa de Intervenção Cardiovascular é uma entidade sem fins lucrativos, que tem por finalidade o estudo, investigação e promoção de atividades científicas no âmbito dos aspetos médicos, cirúrgicos, tecnológicos e organizacionais da Intervenção Cardiovascular.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!