Inovação portuguesa permite cultivar vegetais frescos junto do consumidor

Estrutura de tabuleiros, lâmpadas e sensores levam a horta para o interior de qualquer edifício e para junto do consumidor. O consumo de vegetais frescos e saudáveis passou a ser possível com o sistema CoolFarm in/store desenvolvido em Coimbra.

0
72
Partilhas
Sistema CoolFarm in/store
Sistema CoolFarm in/store. Foto: CoolFarm

Produtos vegetais podem ser cultivados junto dos consumidores. A solução é da empresa portuguesa CoolFarm que está a desenvolver um sistema integrado que permite cultivar um conjunto de vegetais num espaço interior, durante todo o ano, “sem desperdícios e com a máxima segurança”.

O sistema designado por ‘CoolFarm in/store vai ser apresentado na Euroshop 2017, em Dusseldorf, na Alemanha, de 5 a 9 de março.

O sistema consiste numa estrutura vertical fechada com um ambiente limpo e climatizado, adequado para o crescimento de vegetais de boa qualidade, como alfaces, agriões, beterrabas, ervas ou flores, e para germinação de plantas. Um sistema totalmente automatizado nas componentes de estrutura, bem como na criação do ambiente.

Sistema CoolFarm in/store
Sistema CoolFarm in/store. Foto: CoolFarm

A solução de cultivo de vegetais tem, entre outras características, uma necessidade reduzida de água, que pode ser de menos 90% do que na agricultura tradicional, e não recorrer a pesticidas ou herbicidas.

A estrutura de cultivo é escalável, ou seja, é composta por módulos que podem começar nos 100 metros quadrados de área de produção, podendo facilmente ser aumentada na vertical e ou na horizontal, e desta forma satisfazer vários níveis de escala de produção, bem como proporcionar vários tipos de investimento e de rentabilidade.

O sistema base tem duas colunas de tabuleiros móveis de cultivo hidropónico, um elevador central e um sistema de fertirrigação. Incorpora diversos sensores para medir todas as variáveis ​​relativas às plantas, luzes de crescimento LED, sistema de controlo e uma antecâmara. Um sistema de software permite que a estrutura seja ‘inteligente’ e de fácil manuseamento.

A inovação da CoolFarm vai permitir que os consumidores, nomeadamente os que habitam nas grandes cidades, tenham acesso a vegetais frescos, de elevada qualidade, quer através dos grandes hipermercados, como em restaurantes, hotéis ou nos hospitais.

Com o sistema de produção ‘CoolFarm in/store’ junto do consumidor haverá um maior controlo sobre a produção, menos custos de transporte e menos desperdício.

A empresa CoolFarm “nasceu em Coimbra há três anos, mas já é reconhecida mundialmente. Há dois anos criou um sistema de controlo inteligente, vocacionado para estufas ou armazéns de produção agrícola, que permite fazer crescer plantas, da forma mais saudável, eficaz e eficiente possível, através da sua capacidade de análise, inteligência artificial, conexão à ‘cloud’ e interface intuitivo, adaptável a todos os suportes web e mobile”, refere a empresa em comunicado.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz