Ministério da Educação acompanha alunos e professores envolvidos em acidente na Hungria

Acidente ocorrido com autocarro na Hungria resultou na morte de uma aluna e ferimentos num aluno da Escola Secundária Pinheiro e Rosa, de Faro. O Ministério da Educação indica que está acompanhar a situação e fazer diligências necessárias no país.

0
Ministério da Educação
Ministério da Educação. Foto: © Rosa Pinto

O Ministério da Educação (ME) acaba de indicar em comunicado que “lamenta profundamente a tragédia ocorrida na Hungria com um autocarro onde seguiam 6 alunos e 2 professores da Escola Secundária Pinheiro e Rosa, de Faro”.

O conjunto de alunos e professores seguiam integrados numa iniciativa de intercâmbio estudantil, no âmbito do programa Erasmus+: Comenius.

Do acidente, que ocorreu a cerca de 70 quilómetros de Budapeste, resultou a morte de uma aluna e ferimentos num outro aluno, que se encontra hospitalizado. O ME indicou que “foi já disponibilizado apoio psicológico às famílias dos estudantes, bem como à comunidade escolar em geral”.

“A Embaixada Portuguesa na Hungria está a desenvolver as diligências necessárias junto das autoridades daquele país, estando a acompanhar os alunos e professores envolvidos no acidente” indica o ME.

Por sua vez os responsáveis do Ministério da Educação estão em contacto próximo com a direção da Escola, com a Câmara Municipal de Faro e com a Embaixada Portuguesa para que, em conjunto, seja feito o acompanhamento de toda a situação e das necessárias diligências.

O Ministério da Educação também já endereçou “as mais sentidas condolências à família e a toda a comunidade educativa”.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!