Música pode substituir sedativos na redução da ansiedade pré-operatória

Música é uma alternativa eficaz aos sedativos, como o midazolam administrado por via intervenosa, usados na redução da ansiedade em pacientes, antes de um procedimento anestésico para uma intervenção cirúrgica.

0
Música pode substituir sedativos na redução da ansiedade pré-operatória
Música pode substituir sedativos na redução da ansiedade pré-operatória. Foto: © Rosa Pinto

Um novo estudo da Escola de Medicina Perelman da Universidade da Pensilvânia (Penn Med) mostrou que a música é igualmente eficaz em comparação com a administração intravenosa do sedativo midazolam, na redução da ansiedade antes do procedimento anestésico para uma intervenção cirúrgica.

Um procedimento de Bloqueio do Nervo Periférico é um tipo de anestesia regional – feita na área pré-operatória sob orientação ultrassonográfica – que bloqueia sensações de dor de uma área específica do corpo. O procedimento é rotineiramente realizado para uma variedade de cirurgias ortopédicas ambulatórias, como artroscopias de quadril e joelho e cirurgias de cotovelo ou mão.

Para reduzir a ansiedade, que pode levar a uma recuperação prolongada e um aumento de dor pós-operatória, são geralmente administrados aos pacientes sedativos, como o midazolam. No entanto, os medicamentos podem ter efeitos colaterais, incluindo problemas respiratórios e efeitos paradoxais, como hostilidade e agitação.

No estudo, os investigadores descobriram que uma faixa de música relaxante é igualmente eficaz em comparação com a administração intravenosa de midazolam na redução da ansiedade do paciente antes do procedimento cirúrgico.

Veena Graff, professora assistente de Anestesiologia Clínica e Cuidados Críticos, e principal autora do estudo, referiu: “Os nossos resultados mostram que existem alternativas sem medicamentos para ajudar a acalmar um paciente antes de certos procedimentos, como bloqueios de nervos” (anestesia).

Música pode substituir sedativos na redução da ansiedade pré-operatória
Música pode substituir sedativos na redução da ansiedade pré-operatória. Veena Graff. Foto: Penn Medicine

“Lançamos um novo processo no nosso centro cirúrgico ambulatório para fornecer aos pacientes que desejam ouvirem música com auscultadores descartáveis. Em última análise, o nosso objetivo é oferecer música em alternativa para ajudar os pacientes a relaxar durante o período perioperatório” acrescentou Veena Graff.

Embora as investigações mostrem que a música pode ajudar a reduzir a ansiedade de um paciente antes de uma cirurgia, estudos anteriores tinham-se concentraram principalmente na música versus os sedativos orais, que normalmente não são usados em ambiente pré-operatório. Agora o estudo da Penn Medicine já publicado na revista “Regional Anesthesia & Pain Medicine”, é o primeiro a comparar o usa da música com uma forma intravenosa de sedativos. Neste caso os investigadores tiveram como objetivo medir a eficácia da música na redução da ansiedade de um paciente antes de realizar o bloqueio do nervo periférico.

Os investigadores envolveram 157 adultos que receberam uma das duas opções, três minutos antes do bloqueio do nervo periférico: uma injeção de 1 a 2 mg de midazolam ou um par de auscultadores com a música “Weightless”, da Marconi Union. Uma canção criada em colaboração com terapeutas de som, usando harmonias cuidadosamente arranjadas, ritmos e linhas de baixo projetados especificamente para acalmar os ouvintes. Os investigadores avaliaram os níveis de ansiedade antes e depois do uso de cada método, e encontraram mudanças semelhantes nos níveis de ansiedade em ambos os grupos.

No entanto, os investigadores observaram que os pacientes que receberam o midazolam relataram níveis mais altos de satisfação durante o procedimento cirúrgico e menos problemas com a comunicação. Os investigadores atribuíram essas descobertas a vários fatores, incluindo o fato de usarem auscultadores com cancelamento de ruído, não padronizarem o volume da música e não permitirem que os pacientes selecionem a música.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!