Optometrista Raúl de Sousa nomeado perito da Comissão Europeia

Comissão Europeia nomeia o optometrista português Raúl de Sousa (CE) para o painel de peritos em dispositivos médicos para a área da oftalmologia.

0
Raúl Sousa, Optometrista e Presidente da APLO
Raúl Sousa, Optometrista e Presidente da APLO. Foto: DR

Raúl de Sousa, optometrista e Presidente da Associação de Profissionais Licenciados de Optometria (APLO), acaba de ser nomeado, pela Comissão Europeia (CE), para o painel de peritos em dispositivos médicos para a área da oftalmologia.

Os painéis de peritos são nomeados para um período três anos. A Direção-geral de Saúde e Segurança Alimentar da CE, integra para além dos especialistas em oftalmologia também especialistas das áreas de ortopedia, sistema circulatório, neurologia, sistema respiratório, endocrinologia e diabetes, cirurgia geral e plástica, obstetrícia e ginecologia, nefrologia e urologia e, dispositivos médicos para diagnóstico in vitro. Especialistas que foram também agora designados.

Para Raúl de Sousa “esta nomeação é mais um reconhecimento do valor, importância e contributo dos optometristas portugueses para a ciência e cuidados de saúde da visão em Portugal e no mundo. Mais uma vez, uma organização internacional reconhece a relevância e o contributo científico e clínico dos optometristas prestação de cuidados primários para a saúde da visão em Portugal e no mundo”.

O optometrista referiu ainda que “para assegurar acesso universal aos cuidados para a saúde da visão, é preciso garantir cuidados de proximidade e na comunidade, através de força de trabalho bem planeada e organizada com oftalmologistas, optometristas e ortoptistas em trabalho de equipa multidisciplinar e distribuídos pelos vários níveis de cuidados do SNS”.

“Não é tolerável que Portugal continue a ignorar as recomendações da Organização Mundial de Saúde, as resoluções da Assembleia da República e o fracasso das experiências passadas com recuperação de listas de espera e não implemente as melhores práticas já conhecidas e evidenciadas” concluiu Raúl de Sousa.

Raúl de Sousa já tinha sido também nomeado, no passado mês de junho, pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como perito para o grupo de trabalho de desenvolvimento de intervenções para o erro refrativo, da OMS.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!