Problemas de visão afetam o desempenho das crianças na escola

Oftalmologistas aconselham que as crianças devem equilibrar o uso de ecrãs de dispositivos digitais com tempos de visão externa e exames regulares dos olhos. As recomendações são de especialistas do Moorfields Eye Hospital Dubai.

0
Problemas de visão afetam o desempenho das crianças na escola
Problemas de visão afetam o desempenho das crianças na escola. Darakhshanda Khurram, Oftalmologista Pediátrica do Moorfields Eye Hospital Dubai Foto: Moorfields Eye Hospital Dubai

Cerca de um quarto das crianças em idade escolar tem algum tipo de problema de visão, e cada vez há mais crianças e jovens a usar óculos e lentes de contacto. Estudos de investigação têm vindo a mostrar que as crianças que têm um problema de visão perdem literalmente o foco no trabalho e isso pode afetar o desempenho e o desenvolvimento na aprendizagem.

À medida que as famílias se preparam para mais um ano letivo, este é o momento perfeito para considerarem a visão de seus filhos como uma parte vital no desempenho escolar.

Os especialistas da “Back to School” no Moorfields Eye Hospital Dubai destacam a importância de uma visão saudável, qualquer que seja o estágio de educação que a criança tenha atingido. Esta é a época do ano em que se deve garantir que as crianças estejam prontas para a regresso à escola e assim à aprendizagem. Uma condição que é especialmente importante para crianças menores com 8 anos ou menos, dado ser uma idade em que ainda existe uma oportunidade única de corrigir quaisquer defeitos de visão.

Para Darakhshanda Khurram, Oftalmologista Pediatra do Moorfields Eye Hospital Dubai, cerca de um quarto das crianças em idade escolar tem algum tipo de problema de visão, como falta de visão, astigmatismo, catarata, daltonismo, preguiça ocular ou doenças genéticas. Muitos desses problemas começam muito antes da idade escolar e podem passar despercebidos, e, portanto, o rastreio precoce é uma parte importante do processo de prevenção, deteção, diagnóstico e tratamento.

Darakhshanda Khurram recomenda três passos a ter em consideração para uma visão saudável neste regresso à escola:

1.Gerir o tempo de uso de ecrãs pelas crianças

Os tablets e smartphones podem ajudar na coordenação entre mão e olho e estimular os neurónios do cérebro, no entanto, também têm ecrãs brilhantes e estes podem criar efeitos colaterais, como secura dos olhos, fadiga ocular, visão embaçada, problemas de foco e dores de cabeça.

As crianças olham intensamente para os ecrãs e não piscam tanto quando usam dispositivos, pelo que as lágrimas não se espalham pelos olhos, levando à secura. Os pais devem tentar limitar o tempo de ecrãs pelas crianças a não mais do que 20 minutos de cada vez para proteger os olhos e a visão dos filhos.

2.Tempo ao ar livre é ótimo para a visão

Uma investigação recente desenvolvida no Canadá mostrou que as crianças que passam mais tempo ao ar livre podem reduzir o risco de desenvolver miopia. As crianças parecem estar a tornar-se míopes em idades cada vez mais jovens, em torno dos 6 a 7 anos, em vez dos 12 a 13, já que seus olhos estão constantemente focados em objetos que estão muito próximos.

O estudo canadiano mostra que para cada hora adicional de tempo ao ar livre por semana, o risco de uma criança desenvolver miopia cai em torno de 14%, isso pode ser devido à luz mais brilhante ao ar livre e ao fato de que há mais espaço para olhar quando ao ar livre. os olhos neste caso ‘trabalham’ mais.

3.Teste ocular precoce e regular nas crianças

A maioria das causas de uma visão deficiente é facilmente corrigível se forem diagnosticadas e tratadas a tempo. A visão de uma criança não se desenvolve totalmente até os nove anos de idade e se uma condição como ambliopia (olhos cruzados ou estrabismo) ou olho preguiçoso (que pode levar à perda permanente da visão) for diagnosticada ainda cedo o suficiente, melhores são as probabilidades de sucesso recuperação.

O rastreio precoce da visão é muito importante e, idealmente, a visão das crianças deve ser testada até aos três ou quatro anos de idade. As creches podem desempenhar um papel importante verificando a visão das crianças e informar os pais se suspeitarem de alguma deficiência.

Darakhshanda Khurram referiu: “Os testes oculares em crianças são essenciais, e estes são rápidos, simples e indolores e podem ajudar a prevenir problemas sérios relacionados com a visão na infância ou na idade adulta.”

A especialista acrescentou que deficiências na visão “podem inibir o desenvolvimento da criança na escola e o desempenho na sala de aula, e é surpreendente o número de crianças “disruptivas” na escola por terem um problema simples de visão que as distrai na sala de aula.”

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!