Repatriamento dos passageiros e tripulantes do cruzeiro MSC Fantasia

Repatriamento dos cidadãos do navio de cruzeiro MSC Fantasia, tem previsto, hoje, um voo para Marselha, a partir do aeroporto de Lisboa, para transportar 152 pessoas, 62 destas são elementos da tripulação. Uma operação devido à pandemia por COVID-19.

0
Repatriamento dos passageiros e tripulantes do cruzeiro MSC Fantasia
Repatriamento dos passageiros e tripulantes do cruzeiro MSC Fantasia. Foto: CC/wikipedia

Numa operação conjunta das autoridades portuguesas e outras entidades continua a ser feito o repatriamento dos cidadãos que se encontram a bordo do navio de cruzeiro MSC Fantasia, no Porto de Lisboa, em consequência da situação da pandemia por COVID-19.

Hoje, dia 25 de março, está agendado mais um voo, pelas 14h00, com destino a Marselha, França que transportará 152 pessoas, 62 destas são elementos da tripulação. Os cidadãos vão sair do navio em autocarros escoltados pela PSP até ao aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, para o voo de regresso, indicou em nota o Ministério de Administração Interna.

No navio de cruzeiro MSC Fantasia encontravam-se quando acostou no Porto de Lisboa no passado domingo, 1.338 passageiros, maioritariamente da União Europeia, Reino Unido, Brasil e Austrália.

Entre os passageiros estavam 20 portugueses e 7 titulares de Autorização de Residência em Portugal que desembarcaram na segunda-feira. Ontem, dia 24 de março, desembarcaram 1.015 cidadãos estrangeiros, os quais foram escoltados até ao Aeroporto Humberto Delgado, embarcando, ao longo do dia, em quatro voos: dois para a Alemanha, um para o Brasil e outro para o Reino Unido.

A operação, decorre em articulação com diversas embaixadas dos vários países, envolve a Direção-Geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, a Polícia de Segurança Pública, a Autoridade Nacional da Aviação Civil, a Direção-Geral da Saúde, a Polícia Marítima, a Autoridade Tributária e Aduaneira e a ANA – Aeroportos de Portugal.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!