Tribunal condena AstraZeneca a fornecer vacinas COVID-19 à União Europeia

AstraZeneca condenada por tribunal belga a fornecer 50 milhões de doses de vacina contra a Covid-19, à União Europeia, até 27 de setembro.

0
Tribunal condena AstraZeneca a fornecer vacinas COVID-19 à União Europeia
Tribunal condena AstraZeneca a fornecer vacinas COVID-19 à União Europeia

O Tribunal de Primeira Instância de Bruxelas, Bélgica, decidiu medidas cautelares contra a contra a AstraZeneca no seguimento da instauração de um processo contra a AstraZeneca pela Comissão Europeia e pelos 27 Estados-Membros da União Europeia (UE).

O Tribunal ordenou à AstraZeneca que esta farmacêutica faça a entrega urgente de 50 milhões de doses de vacina contra a Covid-19 até dia 27 de setembro de 2021, de acordo com um calendário vinculativo:

  • 15 milhões de doses até ao próximo dia 26 de julho, às 9 horas,
  • 20 milhões de doses até ao próximo dia 23 de agosto,
  • 15 milhões de doses em até ao próximo dia 27 de setembro.

Em caso de incumprimento destes prazos de entrega, a AstraZeneca terá de pagar uma multa de 10 euros por dose não entregue.

A decisão do juiz sobre as medidas cautelares solicitadas baseia-se no facto de a AstraZeneca ter cometido uma violação grave («faute lourde») das suas obrigações contratuais para com a UE.

O tribunal considera igualmente que a AstraZeneca deveria ter feito todos os esforços para entregar as vacinas dentro do calendário acordado, incluindo os locais de produção britânicos explicitamente mencionados no contrato — especialmente tendo em conta os grandes atrasos nas entregas à UE.

Para a Presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, “a presente decisão confirma a posição da Comissão de que a AstraZeneca não respeitou os compromissos assumidos no contrato. É bom ver que um juiz independente o confirma”.

“Isto mostra que a nossa campanha de vacinação europeia não só dá resultados quotidianamente aos nossos cidadãos, como demonstra estar assente numa base jurídica sólida”, concluiu Ursula von der Leyen.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!