Boeing executa operações de voo com o primeiro CMV-22B Osprey

Boeing conclui com sucesso as operações de voo do primeiro CMV-22B Osprey. Um tiltrotor que vai equipar a Marinha dos EUA para substituir C-2A Greyhound no transporte de pessoal e outros meios entre terra e porta-aviões no mar.

0
Boeing executa operações de voo com o primeiro CMV-22B Osprey
Boeing executa operações de voo com o primeiro CMV-22B Osprey. Foto: DR

O primeiro CMV-22B Osprey construído pela Boeing e pela Bell Textron Inc., uma empresa da Textron Inc., concluiu as primeiras operações de voo no Centro de Montagem Bell’s Amarillo. O CMV-22B é a mais recente variante da frota de tiltrotores, juntando-se aos MV-22 e CV-22 usados ​​pelo Corpo de Fuzileiros Navais e pela Força Aérea dos EUA.

A Marinha dos EUA vai usar o CMV-22B para substituir o C-2A Greyhound no transporte de pessoal, correio, abastecimento e cargas de alta prioridade das bases em terra para os porta-aviões no mar. A Bell Boeing projetou a variante da Marinha especificamente para operações de transporte, com maior capacidade de combustível para um maior raio de ação.

A flexibilidade da missão do Osprey vai aumentar as capacidades operacionais e a prontidão, além de transportar os principais componentes do motor F-35.

“Com a capacidade de viajar até 1.150 milhas náuticas, o CMV-22B será uma tábua de salvação para os militares no mar”, referiu Kristin Houston, vice-presidente de Programas de Tiltrotor da Boeing e diretora do Programa Bell Boeing V-22, e acrescentou: “A qualidade e a segurança incorporadas nesta aeronave vão revolucionar a maneira como a Marinha dos EUA cumpre a sua missão crítica transporte para bordo dos navios”.

A Bell Boeing vai entregar o primeiro CMV-22B ao Esquadrão de Avaliação e Teste Aéreo (HX) 21 no início de 2020 para o desenvolvimento de teste.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!