Guiné-Bissau recebe equipamentos e materiais médicos para combate à COVID-19

Guiné-Bissau recebe apoio da União Europeia, Portugal e organizações das Nações Unidas, em serviços de saúde. Equipamentos e materiais médicos chegam à Guiné- Bissau para combate à pandemia COVID-19.

0
Guiné-Bissau recebe apoio da União Europeia, Portugal e organizações das Nações Unidas, em serviços de saúde. Equipamentos e materiais médicos chegam à Guiné- Bissau para combate à pandemia COVID-19.
Guiné-Bissau recebe apoio da União Europeia, Portugal e organizações das Nações Unidas, em serviços de saúde. Equipamentos e materiais médicos chegam à Guiné- Bissau para combate à pandemia COVID-19.

A União Europeia entregou dois lotes de equipamentos e materiais médicos destinados ao Projeto de Apoio a Resposta à pandemia de COVID-19 nas Estruturas da Saúde de Referência (PAR COVID), e ao Programa Integrado para a Redução da Mortalidade Materna e Infantil (PIMI) na Guiné-Bissau.

O PAR COVID é implementado pelo Instituto Marquês de Vale Flor (IMVF) e tem como objetivo melhorar a capacidade dos serviços de saúde nas unidades de referência designadas para a resposta à Pandemia de COVID-19 financiado pela União Europeia no valor de 230.000 euros.

O PIMI II também implementado pelo IMVF, mas com o cofinanciamento do Instituto Camões IP, de Portugal, e parcerias com a UNICEF e a EMI. Este programa tem como objetivo reforçar os serviços de cuidados de Saúde Materno-Infantis, que carecem de apoio durante o atual período de pandemia. Esta iniciativa, em execução desde 2013, receberá novos equipamentos e materiais médicos que permitirão que a equipa de mais de 40 formadores do projeto, mantenha as atividades de capacitação dos técnicos de saúde guineenses.

Este lote de materiais constitui uma parte da resposta da União Europeia ao apelo do Centro de Operações de Emergências em Saúde, para a implementação do plano de contingência e apoio à gestão da crise, com uma contribuição extra no valor de 1,3 milhões de euros que será disponibilizado através da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Na receção do lote de material estiveram presentes: Sónia Neto, Embaixadora da União Europeia na Guiné-Bissau; Magda Robalo Correia e Silva, Alta Comissária para a luta Contra o COVID-19; José Costa, Cônsul de Portugal; e Jean Marie Kipela, Representante da OMS e do Sistema das Nações Unidas e o P-5 junto do Centro das Operações de Emergências em Saúde (COES), entre outras personalidades.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!