Noruega triplica capacidade de testes a COVID-19

Testes a COVID-19 desenvolvidos por cientistas na Noruega vão permitir rastrear todos os cidadãos com sintomas. Os testes utilizam nanopartículas magnéticas e não os reagentes que são atualmente escassos no mercado.

0
Noruega triplica capacidade de testes a COVID-19
Noruega triplica capacidade de testes a COVID-19. Foto: NTNU

A Noruega vai usar um teste para a COVID-19 desenvolvido por investigadores da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia e do Hospital St. Olavs para no final do mês de abril começar a rastrear toda a população norueguesa que apresente sintomas.

Após mais de um mês de medidas apertadas de confinamento para controlar a disseminação do coronavírus na Noruega, o governo norueguês indicou que a taxa de infeção caiu drasticamente para menos de um, ou seja, o R de reprodução da transmissão é inferior a um.

Agora, a estratégia do governo é tentar eliminar os surtos do coronavírus usando um aplicativo móvel e o aumento da capacidade de teste recorrendo a um novo teste desenvolvido por uma equipa de investigadores na Noruega.

O Ministério da Saúde norueguês indicou hoje que “o objetivo é testar qualquer pessoa com sintomas de infeção por coronavírus. Durante o mês de abril e maio, a capacidade para realizar testes deve subir para 100.000 testes por semana. (Hoje, a capacidade máxima é de 30.000 testes por semana) ”.

Até agora os constrangimentos no aumento de testes “é principalmente a falta de equipamento com capacidade limitada e, principalmente, os reagentes. Mas agora a Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia desenvolveu um novo método que torna os serviços de saúde menos dependentes de reagentes, de modo que a capacidade de teste é aumentada ”, indicou o Ministério da Saúde.

O teste conta com nanopartículas magnéticas para extrair o material genético do vírus (RNA) de uma solução. Outros testes mais convencionais usam reagentes, que são escassos em todo o mundo, nesta fase de grande procura.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!