Novo teste rápido para a COVID dá resultados em 45 minutos

Investigador envolvido na avaliação do novo teste rápido para a COVID-19, já aprovado pela FDA, dos EUA, afirma que o “teste será altamente eficaz na identificação de casos da COVID-19”, e explica as caraterísticas do teste da CEPHEID.

0
Novo teste rápido para a COVID dá resultados em 45 minutos
Novo teste rápido para a COVID dá resultados em 45 minutos

Uma equipa de investigação da Rutgers University, em New Brunswick concluiu a primeira avaliação de um novo teste rápido da COVID-19, que obteve uma aprovação de emergência da FDAFood and Drug Administration. O teste foi desenvolvido pela CEPHEID, uma empresa de diagnóstico molecular dos EUA, que deve começar a disponibilizar o teste na próxima semana.

O teste é rápido e fácil de executar, e não exige a necessidade de um laboratório centralizado.

David Alland, diretor do Instituto de Saúde Pública da Rutgers New Jersey Medical School, que liderou a equipa de investigação que avaliou o teste, responde a algumas questões sobre o teste e a importância no combate à COVID-19:

Quais foram as conclusões da sua avaliação e a precisão do teste?

O teste foi capaz de identificar quantidades extremamente pequenas de material genético do novo coronavírus, o SARS CoV2 e, quando repetimos o teste usando vírus vivos, também conseguimos identificar níveis muito baixos. Isso sugere fortemente que o teste será altamente eficaz na identificação de casos da COVID-19.

Qual é a diferença entre este teste e o que está disponível atualmente?

Atualmente, os testes são enviados para um laboratório e os resultados podem levar de um a cinco dias. O impacto do teste rápido será significativo. Como os resultados podem ser entregues em 45 minutos, será um divisor de águas para decisões médicas cruciais, incluindo a triagem de pacientes. Quando isolar e como tratar. Além disso, como o mundo vai continuar a precisar de gerir a COVID-19 nos próximos anos, a capacidade potencial deste teste para ser usado em consultórios médicos, clínicas e até em unidades móveis pode ajudar a detetar novos e pequenos surtos de doenças antes dos grandes surtos reaparecerem.

Como é que a equipa esteve envolvida em ajudar a desenvolver esse novo teste?

O meu laboratório trabalha com o CEPHEID há quase 20 anos para desenvolver uma série de testes de diagnóstico inovadores para doenças infeciosas. No nosso teste inovador para tuberculose, contribuímos com tecnologia que permitia a deteção rápida da mycobacterium tuberculosis, a bactéria que causa a tuberculose, e também contribuímos com tecnologia que permitiu a fácil identificação de mutações associadas à resistência a medicamentos neste organismo.

Para enviar uma sugestão, por favor faça ou .

Deixe um comentário

Ainda sem comentários!