U-Bike Portugal, ‘Academia a Pedalar’

U-Bike Portugal, ‘Academia a Pedalar’ é o projeto da Universidade Nova de Lisboa, sobre mobilidade com recurso à bicicleta.

0
13
Partilhas
Mobilidade por bicicleta
Mobilidade por bicicleta. Foto: Rosa Pinto

A Universidade Nova de Lisboa realiza uma conferência sobre os desafios e as oportunidades de utilizar a bicicleta como meio de transporte no dia-a-dia, bem como uma exposição, demonstrações e testes de bicicletas para apresentar o projeto U-Bike Portugal, ‘A Academia A Pedalar’.

O evento decorre no dia 2 de maio a partir das 9h30 na reitoria da Universidade Nova de Lisboa, Campus de Campolide, e todas as atividades são abertas ao público em geral.

A sessão de abertura da conferência conta com as presenças de José Mendes, secretário de Estado Adjunto e do Ambiente, José Sá Fernandes, vereador da Câmara de Lisboa, António Rendas, reitor da Universidade Nova de Lisboa, Miguel de Castro Neto, coordenador da U-Bike Portugal, e Eduardo Feio, presidente do Instituto de Mobilidade e dos Transportes. Marcam também presença Luís Reto, reitor do Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) e Arlindo Oliveira, presidente do Instituto Superior Técnico (IST), igualmente associados ao projeto U-Bike.

Do programa faz parte um painel sobre a Mobilidade suave em meio urbano, com inicio às 11h00 e com “intervenções dedicadas ao papel da indústria na promoção da bicicleta como meio de transporte; a bicicleta como modo de transporte em meio urbano; as infraestruturas cicláveis e o seu papel na alteração de hábitos e mentalidade; e a Plataforma Tecnológica da Bicicleta.”

A partir das 14h30, o debate será sobre “o uso da bicicleta no quotidiano, explorando temas como andar de bicicleta no espaço urbano é uma cultura marginal; mais ciclistas na cidade, o papel das redes sociais para encurtar o caminho da mudança; as app’s como incentivo ao uso da bicicleta em ambiente urbano (Bruxelas vs Lisboa).”

Entre as atividades encontra-se ainda um passeio para apresentar as boas práticas de circulação em infraestruturas cicláveis e vias partilhadas que vai ligar as ‘academias’, num percurso que do Campus de Campolide da Universidade Nova de Lisboa, o IST, o ISCTE, a FCSH e a terminar no Campus de Campolide da Universidade Nova de Lisboa.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

wpDiscuz