01 Dezembro 2021

Tag: Tumores cerebrais

Esfera tumoral composta por células-tronco de meduloblastoma humano infetadas pelo vírus zika (vermelho)

Vírus Zika pode eliminar tumor cerebral avançado

Investigadores brasileiros comprovam, pela primeira vez in vivo, a eficácia do Zika vírus na eliminação de células tumorais do Sistema Nervoso Central. Os estudos foram realizados em ratos mas a equipa pretende avançar com testes em pessoas.
Tumores cerebrais

Tumores cerebrais podem ser visualizados com sonda inovadora

Prognóstico de doentes com gliomas pode melhorar com a utilização de sonda inovadora que permite uma visualização rigorosa do tumor durante uma intervenção de remoção. Esta inovação permite maior e melhor esperança de vida aos doentes.
Gelareh Zadeh, cientista, neurocirurgiã, Princess Margaret Cancer Center, Canadá

Sobreviventes de cancro infantil têm risco elevado de meningiomas

Cientistas em tumores cerebrais descobriram o gene que causa o desenvolvimento de meningiomas em pessoas tratadas com radiação, que sobreviveram a cancro infantil. Deteção precoce dos meningiomas é crítica.
Imagens de cérebro com glioblastoma

Imunoterapia para glioblastoma tem ganhos de sobrevivência

Pequenos ensaios de fase um, usando uma terapia combinada de vacina de células dendríticas com temozolomida, no combate ao glioblastoma, mostraram que o tempo de sobrevivência dos doentes aumentou significativamente.
Fernando Nogueira, do Fundação Millennium bcp e Maria Carmo-Fonseca, do iMM

iMM recebe apoio da Fundação Millennium bcp para investigação de tumores cerebrais

Investigação em tumores cerebrais pediátricos no Instituto de Medicina Molecular pode ter agora novo impulso com a assinatura de protocolo de apoio com Fundação Millennium bcp. Um apoio que se traduz num valor de 90 mil euros.
Amy Kennedy, especialista em 'vida da criança' prepara uma paciente para radioterapia

Jogos ajudam as crianças com tumores cerebrais no tratamento por radioterapia

Investigação desenvolvida pelo ‘Research Hospital St. Jude Children’ mostrou que a utilização de jogos ajuda as crianças quando são submetidas a radioterapia craniana, diminuindo o uso de sedativos e assim os custos da terapêutica.

Siga-nos nas redes sociais

DESTAQUE

MAIS LIDAS